terça-feira, 22 de dezembro de 2009

Fim de ano e festas

     Oi pessoal! Td bem?
     Então o último post tava meio revoltado...rsrsrs. Mas é a realidade, fazer o quê?
     Hoje só quero falar do fim de ano, que pra mim é uma época bastante agradável, eu curto natal, ano novo, festa em geral, baguncinha. Apesar de que qdo a gente vai crescendo essas datas vão ficando cada vez mais deprimentes, agora que eu tenho minhas duas pequenas, fico na expectativa de um fim de ano gostoso e com cheirinho de infância. Será que peço muito? Ah, eu acho que não. Eu acredito mto que a felicidade está com quem quer estar com ela. Então a gente cria os momentos felizes ou deprimentes e sinceramente quero estar muito feliz no natal e ver minhas filhas se deliciando com presentes e brinquedos novos. Quero estar mto feliz e com a mente focada nos meus objetivos para o ano de 2010, que acredito ser um ano de muitas realizações e boas coisas!
       Quero só alegria pra mim, pra minha família e pra todos que queiram estar com ela também!
       Pode parecer piegas gostar de natal, arvore enfeitada, canções natalinas e eu gostaria de saber fazer aqueles biscoitos natalinos que os americanos fazem (acho tão singelo...rsrs), mas, cara, eu aaaaammmmooooo essas coisas que fazem a gente ser feliz de modo bobo!!!!!
       A Bia e a Júlia ainda não entendem tudo que está acontecendo e às vezes estranham ver tanta gente que durante o ano  nem souberam quem era (rsrsrs), mas eu só queria que elas se sentissem bem nas festas e ficassem felizes estando junto de pessoas felizes. Esse é meu desejo de Natal!
       Ah, elas estão bem, saudáveis, sapecando como sempre. As duas já andam e adoram jogar bola. Mas ainda não falam, estão em treinamento intensivo com a mamãe (rsrsrs). A Bia está 6 cm mais baixa que a Júlia e 2Kg mais magra. As duas estão barrigudinhas, coradinhas e sapequinhas. Quero tirar umas fotos no Natal e aí eu posto aqui pra vcs continuarem babando nas minhas lindinhas!
       Ah, e apesar de me estressar algumas vezes no dia. Eu tenho tentado curtir mais e acho que estou conseguindo. Brinco mais com elas e tento ser mais paciente. Acho que sinto que está acabando esse período de exclusividade com elas e preciso estar mais presente...
        Que lindo, olhei pro lado e a Bia está toda riscada de caneta nas pernas... ai ai (rsrsrs)

Lição do post: Não espere que o Natal seja feliz pra vc deixar de ser triste, seja a pessoa mais feliz do Natal e a alegria vai com vc!!!!
FELIZ NATAL E UM MARAVILHOSO ANO DE 2010!!!!!!

quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Confesso: metade do tempo eu me estresso!!!!

Pessoal,
Talvez algumas pessoas achem terríveis as coisas que vou dizer agora, mas o caso é que esses pensamentos, sentimentos e atitudes fazem parte do meu dia a dia e quem sabe seja uma coisa comum no caso de mães, de gêmeos ou não. Mtas coisas me estressam no meu cotidiano de mãe, alías é uma coisa que eu não recomendo: ser mãe 24 horas por dia! Pelo menos pra mim não é mto saudável... Eu fico a beira de um ataque de nervos mtas vezes... Tenho certeza que quando eu começar a trabalhar vai ficar mais tranquilo, tanto eu, quanto minha convivência com as meninas, acho até que elas tb já enjoaram da minha cara...rsrsrs.
Mas o que mais me estressa no fato de ter filhas gemeas é que eu cuido delas sozinha e não consigo sair de casa sem ajuda. E a ajuda realmente não é facil afinal de contas as pessoas tem mais o que fazer do que ficar cuidando do filho dos outros, né? Recomendo ter dinheiro, mto, assim que vc pensar em ter filhos... pq vc vai precisar pra ter uma babá ou colocá-lo numa escolinha. E isso vai tornar sua vida mais facil!
Qdo eu começo a fazer algo pra mim, elas me acionam... Ou seja, nao consigo fazer... Agora, elas estão brincando mais sozinhas, mas não mto e brigam que é uma beleza, então tenho que ficar de olho, mas é a limpeza e organização da casa? Dificil...
Como eu consigo? Nem sei... É dificil mas não impossível... É estressante mas não deixa de ter momentos bons. E é mto melhor qdo eu to bem emocionalmente falando, o problema é que meu emocional está diretamente ligado a minha convivência com elas, já que é só isso que eu faço.
Mtas vezes fico meio deprimida, pq não tenho com quem conversar, ou não posso fazer as coisas, ou tenho que fazer coisas que realmente não queria fazer. Mas tento tirar proveito de todas as vezes que percebo que minha vida é boa, e que minhas filhas são lindas, tento ficar nesses momentos ao máximo. E isso tb não é fácil, pq a gente dá mta bronca tb, afinal elas não param de fazer coisas que podem se ferir ou destruir algum objeto da casa...
A verdade é que metade do tempo eu me estresso. E acordo atualmente todo dia pensando em quando eu vou conseguir trabalhar e elas vão pra escolinha. Porque como minha mãe sempre disse: "O importante não é a quantidade de tempo, mas a qualidade!" E acredito totalmente nisso. E acho que qdo eu fizer outras coisas da minha vida, vou valorizar mais os meus momentos com minhas filhotas.
Era mais pra desabafar!
Bjs bjs
E qdo alguém me conta que seu sonho era ser mãe de gemeos, eu penso: espero que seu desejo se realize! É lindo, mas é mais lindo qdo é de longe...rsrsrs.