quarta-feira, 30 de março de 2011

Simples assim!

segunda-feira, 21 de março de 2011

Fotos recentes das meninas!


Momento ternura... blim, blim, blim, blim, blim.... e as fadinhas regam o jardim com pingos de luz...rsrsrsrs.
 Fotos tiradas na semana passada:

Bia

Bia e Júlia

Júlia (séríssima!!!)

Bjs a todos!

É oficial: eu não mando na minha vida nem nas minhas filhas...

Oi pessoas!

Então depois de toda a conversa do post de ontem, eis que hoje cedo quando fui levar minhas filhas na creche, descobri que aquele encaminhamento não preenchido por um médico proíbe minha filha de entrar lá. Não é o máximo? Não importa se ela não tem mais diarréia, o importante é que a técnica de enfermagem manda e eu obedeço! Isso me fez ter um episódio rápido de depressão, que passou depois de pensar que seria melhor ficar com minha filha, passar no médico, já que me foi imposto e ficar com minha outra filha que está com uma tosse irritante, e que realmente está me preocupando...

Não fui trabalhar e gastei R$ 70,00 numa consulta em que o médico preencheu o encaminhamento e nos deu tchau. Gastei porque passei na frente de um AMA da prefeitura e tinha uma fila que saía da unidade e achei que talvez não fosse boa idéia ficar tomando chuva com elas do lado de fora...

Lição do post: Não pense que você pode alguma coisa, porque pelo jeito quem trabalha numa creche e tem um curso técnico de enfermagem manda mais em você do que você mesma.

domingo, 20 de março de 2011

Ter filhos é ter muito trabalho e muita gente dando opinião...

Oi pessoas! 
Nem sei se alguém ainda lê esse blog, pq faz um tempão que não posto nada novo. Falta total de tempo e talvez um pouco de falta de saco...rsrs.

Hoje vim pra desabafar, como outras vezes já fiz por aqui. Melhor mesmo que ninguém leia, pq assim não vão fazer mal juízo de mim.

 Sabe, logo que virei mãe percebi que esse mundo é cheio de culpa, mas atualmente tenho notado tb que esse universo materno é cheio de dedos apontados pra vc, ou seja, não é apenas mania de perseguição, a culpa vem da cobrança de todas as pessoas que resolvem, sendo solicitadas ou não, sendo leigas ou profissionais, dar sua opinião sobre como vc está se relacionando ou cuidando de suas filhotas.

Estou dizendo isso, pq na creche que minhas filhas estão indo, encontrei uma enfermeira muito da atenciosa, que chegou logo cobrando as vacinas que eu ainda não tinha dado nas minhas filhas e que eu não tinha a menor intenção de dar. Até aí tudo bem, pois é de acordo total da sociedade que essas vacinas são extremamente necessárias para a saúde e bem-estar das minhas filhas, coisa que discordo, mas que se algo acontecer a culpa é toda minha, que fui uma mãe desnaturada e arrisquei a vida das minhas filhas. Logicamente que se eu der a vacina e algo acontecer é coisa do destino, não tem nada a ver com a inutilidade da vacina ou a possibilidade dela fazer mais mal do que bem... Enfim...

Bom, dei as vacinas, ok. Aí nessa semana passada a Júlia apresentou diarréia lá na creche, pelo jeito uma boa quantia, se é que podemos falar assim, mas foi bastante côco e líquido. A enfermeira me ligou avisando, pedindo para que levasse ela no médico e fui buscá-la mais cedo pois fiquei realmente preocupada. Chegando lá, ela nem parecia estar com qualquer alteração na saúde, estava saltitante, de bom-humor, comeu normal, estava corada. Resolvi levá-la pra casa e observar, se fosse necessário levaria ela no médico. Em casa, ela fez mais côco, mas estava mole (não liquido) e o cara da fármacia que passei pra ver se tinha algo leve pra dar pra ela, disse que o melhor seria hidratá-la e deixar ela expulsar pelas fezes o que estava errado no corpo. Foi o que resolvi fazer. 

No dia seguinte, levei ela normalmente na creche e encontrando a enfermeira na entrada, ela me perguntou se tinha levado a Júlia no médico, disse que não mas que a observei e ela estava bem melhor. Ela fez uma cara de bunda, expressando total reprovação do meu ato ou melhor do meu não ato. Fiquei irritada, mas deixei por isso mesmo. Foi daí que percebi que poderia começar a encher isso... Quando eram 10h30 da manhã, recebi ligação do meu marido que a enfermeira tinha ligado pra ele (sendo que na outra vez ela tinha ligado direto pra mim e dessa vez não...) e dito que ela estava novamente com diarréia e que estava passando mal, e que devia ter sido porque nós não a levamos no médico como ela tinha dito. Meu marido estava em outra cidade e eu estava trabalhando, sem carro. Tive que ligar pra minha mãe e sair do meu serviço pra ir pegá-la, fiquei muito preocupada pois achei que ela tinha piorado. Quando cheguei lá, novamente vejo uma menina saltitante, corada, feliz, sem nenhum traço de doença. Na agenda dela estava escrito que ela tinha comido todas as refeições servidas. E melhor, a secretária me deu um encaminhamento por escrito da tal enfermeira, dizendo que o médico deveria preencher as questões nele contidas e assinar. Nesse encaminhamento estava escrito que minha filha apresentou febre e diarréia por 2 dias e perguntava se ela estava com doença contagiosa. Fiquei sem entender. E resolvi fazer o mesmo do dia anterior, observar. Novamente, ela fez um pouco de côco mole, mas foi bem menos e continuava muito bem de resto. Então não a levei no médico.

 Hoje fiquei pensando nisso e pensei se terei algum problema com a enfermeira da creche... Será? Eu não quero me indispor com ela nem ninguém do lugar onde minhas filhas estão sendo cuidadas pelos motivos óbvios. Espero não ter que ficar me explicando toda vez que alguém vem com uma sugestão de saúde e eu sigo meus instintos. Outra coisa, se eu ainda tivesse convênio delas, eu iria prontamente, só pra não passar por essa chateação, mas não tenho mais e achei que seria uma chateação maior pra minha filha ficar na fila de um hospital público do que fazer um pouco de côco mole em casa. SERÁ QUE ESTOU ERRADA?????

Desculpem por tudo isso, mas isso me chateia, me irrita, pois a gente sempre faz o melhor que pode, se esforça pra caramba, mesmo, mesmo, de um jeito muitas vezes descomunal, e sempre tem alguém pra apontar o dedo pra vc... É foda!

Ah, e só pra todos saberem: a Júlia está bem e no final de semana fez côco normal...rsrs. A Bia não se contagiou e passa muito bem, obrigada!

Bjs bjs